Página Inicial > Ligado no Mundo > QUEM RECEBE BOLSA-FAMÍLIA E RENDA MÍNIMA DEVE ATUALIZAR CADASTRO

QUEM RECEBE BOLSA-FAMÍLIA E RENDA MÍNIMA DEVE ATUALIZAR CADASTRO


Data: 25 de julho/2011

Secretaria de Assistência Social

3291-9666

A Secretaria de Assistência Social realiza o recadastramento de paulistanos que são beneficiários dos Programas de Transferência de Renda, como o Bolsa Família e Renda Mínima. O usuário que não atualizar o cadastro terá o benefício bloqueado e o prazo para recadastramento vai até 25 de julho de 2011. Os dados de local, data e horário para comparecimento ao recadastramento são fornecidos pela Central de Atendimento 156 da Prefeitura, ligação gratuita, sete dias por semana, durante 24 horas. Foram criados sete postos temporários para recadastramento, que funcionam de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h, exceto nos feriados. Além deles, os Centros de Referência de Assistência Social recebem atualização dos dados cadastrais, para famílias que procuram o CRAS

Fonte:Portal Prefeitura de SP

About these ads
CategoriasLigado no Mundo
  1. 09/05/2011 às 10:30 AM

    bom dia minha cata chegou dis 6/5 mas para eu comparecer dia 2/5,chegando depois da data que eu deveria ir o que faço para poder fazer o recadastrameno.obrigada e aguardo resposta.

    • Felipe R
      19/07/2011 às 2:56 PM

      amiga ligue para o numero 156 e peça um novo agendamento o quanto mais rapaido possivel ok

  2. 13/06/2011 às 8:14 PM

    Gostaria de saber por que meu benefício renda mínima foi bloqueado , No dia 31 de maio fui fazer o recadastramento mas recebo no dia 13 hoje mas não recebi ligei na prefeitura de São Paulo para saber o porque de não ter recebido . Mandaram ir no cras pois cada um fala uma coisa uma atendente pegou o meu cartão do bolsa e os documentos e perguntou se eu pegava mais algum disse que sim pegava o renda mínima ela falou que eu não receberia os dois, só receberia um e só iria ser R&200,00 queira saber se isso e verdade espero a resposta obrigado.

    • 13/06/2011 às 9:22 PM

      Olá Edna infelizmente essas informações só podem ser obtidas pelo CRAS mais próximo da sua residência

    • 01/11/2012 às 7:47 PM

      oi sou a edna gostaria de saber se tem como recadastrar minha renda minina novamenti …

      SUGESP-JT :
      Olá Edna infelizmente essas informações só podem ser obtidas pelo CRAS mais próximo da sua residência

      percilia p dos santos :
      quero me cadastrar no renda minima por que meu marido ganha muito pouco 600 reais enos pagamos 300reais de aluguel

  3. percilia p dos santos
    07/07/2011 às 8:30 PM

    quero me cadastrar no renda minima por que meu marido ganha muito pouco 600 reais enos pagamos 300reais de aluguel

  4. monica souza da silva
    01/08/2011 às 12:59 PM

    meu nome é monica, e eu fiz o recadastramento do renda minima ja faz alguns meses e desde então não consigo receber o mesm, não consta cartão bloqueado apenas saldo insilficiente.

    • Simone Veras França
      25/08/2011 às 10:23 AM

      monica souza da silva :meu nome é monica, e eu fiz o recadastramento do renda minima ja faz alguns meses e desde então não consigo receber o mesm, não consta cartão bloqueado apenas saldo insilficiente.

  5. Anônimo
    04/08/2011 às 3:08 PM

    qual valor da renda minima á receber…

  6. Anônimo
    04/08/2011 às 3:11 PM

    Gostaria de saber qual valor recebe da renda minima!!!obrigado

    • vanessa
      04/03/2012 às 5:52 AM

      o valor dp renda minima é 140,00 reais.

  7. 07/08/2011 às 10:46 AM

    a prefeitura deveria criar um programa social c/ todas as pessoas q/ faz parte desse beneficio, e dar a elas um profisão para complementar a renda, esse beneficio é bom mais é pouco.

  8. dagmar pinheiro de souza
    09/08/2011 às 8:32 PM

    gostaria de me cadastrar no renda minima
    gostaria de saber como devo fazer
    obrigada desde ja

  9. 10/08/2011 às 11:35 PM

    MEU NOME E ALESSANDRA NATALI DA SILVA ESTOU NESSESITANDO DO RENDA PARA ME AJUDAR JA FAZ 1ANO QUE FIS E NAO TIVE RESPOSTA AINDA COMO FAÇO

  10. 14/08/2011 às 7:17 PM

    éu queria saber como eu atualizar o meu cadastro do bolsa familia

  11. Anônimo
    16/08/2011 às 7:40 AM

    eu morava em saõ paulo quando fiz o renda minima tevido a situaçaõ vim morar no interior eu corro o risco de perde o beneficio ou consigo cadastrar meu cartao~poraqui o que faço

  12. erika fontanelle santos
    16/08/2011 às 10:04 PM

    quero muito reseber mais nao conçigo

  13. Anônimo
    17/08/2011 às 8:32 AM

    eu tenho uma amiga que recebe renda minima para ela e nao para as filhas epara ela curtir deveria ser mais investigada que o dinheiro pubrico nao e capim trabalhei a vida e criei 3 cidadoes sem renda minima porquer nao da emprego para essas vadia e por este dinheiro na saude sou indiginada com esta cituaçao que quem precisa nao recebe precisa acordar meu senhores adrimistrador ole o nosso dinheiro indo de ralo abaixo. trabalhadora e batalhadora indiguinada com esta situaçao tudo facis por ista estamos cheio de bandido quando nao tinha isto a mae era mais responsavel

  14. Anônimo
    17/08/2011 às 8:17 PM

    minha amiga não se cadastrou pois não veio nenhuma carta avisando ligou para 156 e mandarão ela ir na prefeitura proxima a av.bras leme chegando lá eles falaram que o seu beneficio foi bloqueado e mandarão ela ir na rua capitão pacheco chaves n.1062 como foi bloqueado se ela não recebeu nenhuma carta avisando-a sobre o cadastro que falta de informação hoje com tantos meios de sistemas e porque tem que ir tão longe se ela mora na zona norte só la que resolve esse tipo de problema ou tem algum lugar mais proximo da zona norte aguardando resposta

  15. marcia alves soares dos santos
    19/08/2011 às 7:35 PM

    eu recebo os dois benevicio nao fui avisada do cadrastro e agora o que devo faze ja liguei mais nao tive resposta mais eu posso perde o programa me ajude o que posso mesmo fazer

  16. LURDES LUCIANA SEVERO
    22/08/2011 às 5:36 PM

    eu estou com o meu renda mínima bloqueado,eu não recebi nenhuma correspondência,compareci ao posto do cras e me falaram pra mim ir comparecer na vila prudente pra mim agendar um novo cadastramento,gostaria de saber se essa informação é correta e se eu corro algum risco de perder meu benefício?

  17. silvana
    22/08/2011 às 6:21 PM

    boa noite gostaria de sabe como eu faço para me cadastra na bolça familia tenho uma filhinha de 4 aninhos fica na creche o dia todo na creche carlos augusto como eu faço para receber esta bolça familia

  18. ednalva
    23/08/2011 às 5:05 PM

    oi como faço para min cadastra na bolsa familia eu estivi no cias em 13 de setenbro 2010 ir até agora nada estive novamente em maio de 2011 e eles disse que o cadastro so em junho ou julho tenho uma filha de 1 ano e 4 meses não estou trabalhando no momento.

  19. Anônimo
    25/08/2011 às 4:43 PM

    eu quiteria estou gravida desepregada como faço para min cadastra renda minima

    • SOLANGE ALVES DE ARAUJO
      08/09/2011 às 3:57 PM

      EU GOSTARIA DE SABER COMO EU POSSO FAZER PARA PARTICIPAR DO PROGRAMA BOLSA FAMILIA,QUEM TEM DIREITO AONDE EU POSSO ESTAR INDO.TENHO 3 FILHOS UMA DE 15ANOS,07 ANOS,03 MESES OBRIGADO

      • 06/01/2012 às 4:46 PM

        Olá Sra Angela

        Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

        Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

        Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

        As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

        Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

        Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

        Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

        Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

        Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  20. QUITERIA ALVES MACHADO
    25/08/2011 às 4:53 PM

    eu quiteria estou gravida desepregada como faço para min cadastra renda minima

  21. Anônimo
    25/08/2011 às 8:13 PM

    boa noite, recebi uma ligação da prefeitura dizendo que era para eu ligar no 0800 que eu tinha sido contemplada no renda minima não consigo falar , serar verdade?]

  22. Anônimo
    29/08/2011 às 5:39 PM

    boa tarde mas a minha carta nao chegou é meu beneficio foi bloqueado e agora

  23. rosangela
    30/08/2011 às 5:22 PM

    boa tarde recebia 150 do renda minima depois que fiz o recadastramendo abaixou para 38 reais isto e um absurdo e uma vergonha não e so para min mais para todos aqui no meu bairro abaixou o benificio esse e o kassab isto porque minha renda e de 400 reais rosangela piraporinha santo amaro

    • 06/01/2012 às 4:54 PM

      Olá
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

    • fernanda
      31/05/2012 às 5:33 PM

      rosangela vc recebia 150 mais de quantas crianças pode ser q abaixou pois devem ter tirado algum filho q ja ficou de maior..q ja fez 18 anos.

  24. lais
    30/08/2011 às 8:58 PM

    Qero saber qe dia eu recebo? pq da primeira vez eu recebi dia 16 qero saber si é todo dia 16?

    • 06/01/2012 às 4:53 PM

      Olá Lais
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  25. rosangela
    01/09/2011 às 2:12 PM

    rosangela :boa tarde recebia 150 do renda minima depois que fiz o recadastramendo abaixou para 38 reais isto e um absurdo e uma vergonha não e so para min mais para todos aqui no meu bairro abaixou o benificio esse e o kassab isto porque minha renda e de 400 reais rosangela piraporinha santo amaro

    rosangela :boa tarde recebia 150 do renda minima depois que fiz o recadastramendo abaixou para 38 reais isto e um absurdo e uma vergonha não e so para min mais para todos aqui no meu bairro abaixou o benificio esse e o kassab isto porque minha renda e de 400 reais rosangela piraporinha santo amaro

    • 06/01/2012 às 4:52 PM

      Olá Sra Rosangela
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  26. Edinei Soares Dos Santos
    04/09/2011 às 10:51 PM

    Eu mim chamo edinei tenho um filho esse benificio saõ muito bom pena que as vezes nem sempre as pessoa rescebe algumas orientascaõ sobre o mesmo tem muita palavra desencontrada era para se mais orietascaõ mas em alguns lugares eles saõ muito inguinorante ate paresse que saõ eles que vai paga para as pessoas naõ o governo ja comessa da ai coriga isso eas coisa melhora sem mais nada espero um dia conseguir ne quem saber ????

    • 06/01/2012 às 4:49 PM

      Olá Edinei
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  27. Alexandra custodio dos santos
    08/09/2011 às 4:45 PM

    nao concegui receber .e nao sabia que tinha que fazer o cadrasto .o que eu faco.

    • 06/01/2012 às 4:45 PM

      Olá Sra Alexandra
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  28. angela queiroz stavale lopes
    08/09/2011 às 5:00 PM

    MEU NOME É ANGELA FIZ O CADASTRO A 2 MESES, QUANTO TEMPO DEMORA PARA VIR A CARTA E QUAL O VALOR DA RENDA MINIMA. OBRIGADA.

    • 06/01/2012 às 4:44 PM

      Olá Sra Angela
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  29. 09/09/2011 às 10:41 PM

    por quer meu bolsa familia foi cancelado

    • 06/01/2012 às 4:44 PM

      Olá Sra Katia

      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  30. maria betania de morais lima
    10/09/2011 às 10:52 PM

    quero me cadastrar no renda minima como devo fazer

    • 06/01/2012 às 4:42 PM

      Olá Sra Maria
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  31. Rosena
    14/09/2011 às 11:17 AM

    a minha data de nascimento esta errada!!
    e meu beneficio foi bloqueado
    sera que é por causa da Data de nascimento????

    • 06/01/2012 às 4:38 PM

      Olá Sra Rosena
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  32. maria jose de oliveira batista
    18/09/2011 às 9:27 PM

    desde do mes 6 eu nao pego meu beneficio fui na subprefeitura e falaram que depois de treis meses eu pegaria de novo ja tem 5meses ate agora nada o que devo fazer quero resposta

    • 06/01/2012 às 4:38 PM

      Olá Sra Maria Jose
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  33. edson
    19/09/2011 às 9:39 PM

    oi meu nome é edson eu ñ resebi a carta para recadastra o renda minima ai fui tira o beneficil ñ tinha que devo fazer para ñ perde pois me ajuda bastante esta renda

    • 06/01/2012 às 4:36 PM

      Olá Sr Edson
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  34. edna fabiana mazzo
    20/09/2011 às 5:11 PM

    eu tenho 3 filho na escola um estuda na prefeitura e 2 do estuda na escola estadual eu recebi o catão do renda minima com o valor de 20 real queria saber se este valor esta certo porque eu conheço pessoa que recebe 200 reais

    • 06/01/2012 às 4:36 PM

      Olá Sra Edna
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  35. 25/09/2011 às 11:17 AM

    ola? me clamo laura e tenho um filha que tem 12nos e moramos litoral de sp;
    já recebi o renda minima,mas quando subi para fazer o recastramento me dicerao;
    que nao fazia mas parte,estou ganhado 200reasis por mes e gostaria de fazer denovo parte do renda minima;
    vou manda meu endereço manole marques silveira 536gaivotra
    sp(cep)11740-000 aqundo resposta

    • 06/01/2012 às 4:34 PM

      Olá Sra Laura
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  36. ariane soares de carvalho
    28/09/2011 às 1:40 PM

    oi!sou a Ariane; recebi uma carta p comparecer a agência retirar um cartão.saquei um valor;no mês seguinte recebi apenas a metade.é normal isso acontecer,não saber com quando posso contar no final do mês?????obrigado espero resposta.

    • 06/01/2012 às 4:33 PM

      Olá Sra Ariane
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  37. rosângela marcia de souza
    28/09/2011 às 1:45 PM

    oi gostaria de saber como faço pra fazer consultas ao renda minima online,
    sou beneficiaria , e queria saber dos extratos e saldos.obg.

    • 06/01/2012 às 4:33 PM

      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  38. ciléia gislene dos santos
    29/09/2011 às 6:33 PM

    Não consigo pegar o numero do nis do renda miníma ja fiz o recadastramento por motivo de segundos o cartão não chegou em minhas mão é agora eu não pego o beneficio estou precisando muito mora eu, é 3 filhos o casula vai fazer 1 ano ainda

    • 06/01/2012 às 4:33 PM

      Olá Sra Cileia
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  39. rosemary de andrade lima
    06/10/2011 às 1:12 PM

    eu rosemary quero saber se pego o beneficio ou nao eu recadastrei eu pego como posso saber

    • 06/01/2012 às 4:29 PM

      Deve ir ao CRAS mais próximo de sua casa

  40. rosana augusto
    11/10/2011 às 11:09 PM

    sou benifisiaria do renda minima mas a carta foi extraviada e só agora que eu consegui obiter a informasao do novo cadastro o que devo faser?

    • 06/01/2012 às 4:19 PM

      Olá Rosana,
      Deve ir ao CRAS mais próximo de sua residencia.

  41. 20/10/2011 às 4:06 PM

    boa tarde quero mim cadastra no progra renda minima como sazer o procedimeto

    • 06/01/2012 às 4:20 PM

      Olá Luciene,
      Deve procurar o CRAS mais próximo de sua casa.

  42. jessica
    20/10/2011 às 9:40 PM

    ola tenho um filho de 1 ano e 3 meses estou desempregada nao tenho ajuda do pai do meu filho e gostaria de saber se eu tenho direito de receber o renda minima obrigada gostaria de saber o que devo fazer

    • 06/01/2012 às 4:20 PM

      Olá Jessica,
      Você ir ao CRAS mais próximo da sua casa.

  43. simone
    28/10/2011 às 11:57 AM

    eu comecei a receber em novembro de 2010 quando tenho que me recadastrar?

    • 06/01/2012 às 4:28 PM

      Deve comparecer no CRAS mais próximo da sua casa

  44. Ana Cristina Alves da Silva
    14/11/2011 às 10:46 AM

    meu nome e cristina fui a cras mas não consegui fazer o meu cadastramento só pegou o telefone e nome e o rg mandou espera uma ligasão em casa e se o beneficio for bloqueado o que eu fasso

    • 12/01/2012 às 10:31 AM

      Olá Sra Ana Cristina
      Infelizmente apenas o CRAS é responsavel pelos cadastramentos de beneficios

  45. ELIETE CORREIA DA SILVA
    16/11/2011 às 2:36 PM

    eu recebia o renda minima e fui cortada que a maça colocou o valor errado miha renda e de 300+170do renda minima e30 do bolsa somando os 3 da o valor de 500 e ela colocou que miha renda era de 500 mas os beneficio que recrbia deu mas ela fez e deu 700 ai eu perdi e como faço para recorrer obrigada queria uma informaçao

  46. mara
    16/11/2011 às 10:11 PM

    Eu recebo o bolsa familia eu posso tambem receber o renda minima e se posso como faço para me cadastrar .

  47. solange alves
    17/11/2011 às 12:44 PM

    estou densempregada egostaria de me cadastrar no renda minima,seria de grande ajuda por q tenho 4 flhs,ta bem dificio.como eu faço.obrgda.SOLANGE ALVES.

  48. Rosane
    18/11/2011 às 11:58 AM

    Eu fui contemplada do renda minima !
    Em Julho eu recebi !
    quando fui receber no mês de Agosto constava r$:00,00
    me encaminharam ate o Crás consta meu beneficio só que esta dando erro de CPF que esta irregular,só que na receita federal consta Regular e no banco do Brasil
    Fui ate o Crás para poder arrumar e ate hoje não tive resposta !!
    Oque eu Posso Fazer nesta situação ?

    • 06/01/2012 às 5:11 PM

      Olá Rosane
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  49. vania
    19/11/2011 às 8:53 PM

    eu quero saber qual e o valor do renda minima

  50. Adriana
    21/11/2011 às 10:39 PM

    Adriana
    boa noita eu fizo cadastramento para a renda já faz 8 meses e não obitive resposta qual seria meu procedimento agora .Aguardo resposta obrigada

    • 22/11/2011 às 8:56 AM

      Boa tarde Adriana, infelizmente não temos como estar verificando esse tipo de informação, precisa estar se dirigindo ao CRAS mais próximo da sua residência.

  51. ana silvia
    22/11/2011 às 10:18 AM

    ana silvia eu gostaria de saber se eu fizer o recadasto do bolsa familia no piaui vai aferta alguma coisa no renda minima

    • 06/01/2012 às 5:10 PM

      Olá Ana Silvia
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  52. debora a.almeida
    22/11/2011 às 2:41 PM

    fiz o recadastramento do bolça e diminuiram o renda minima eu recebia 200,00 reais e diminuiram para 30 reais estou desempregada tenho 40 anos onde é muito dificil arrumar emprego meu marido trabalha como tc.de eletronica em casa tem 46 anos tenho tres filhos uma de 11 outra de nove e outro de 2 anos na hora em que eu mais precisava diminuiram o renda e se a gente for atras a humilhaçao é muito grande somos tratados como um reptil rastejante recebo do bolça 166,00 reais e conheço pessoas que tem um filhio so tem renda fixa e recebem do bolça 300 reais gostaria de saber o porque?,que ajuda é essa pro povo brasileiro que cumpre com seus deveres pagam seus empostos e saõ tratados como nada olha a diferença de salario para um politico e o salario de um pobre trabalhador voceis acham que da pra fazer oque com um salario de 500 ou 600 e pouco ai oferecem uma ajuda que so deus pra ter misericordia ajuda mais ñao é suficiente uns guanham mais outros ganham menos de beneficio eu tenho tres filhos para e penssa é escola remedio roupa sapato comida com 166 reais oque da para fazer? porque não almentam o salario do povo um valor razoavel de tres a quatro salarios minimos dizem que pesa no orçamento do pais agora eu pergunto e 21.000.00 para senadores não pesa no orçamento do pais?INFELISMENTE NOSSO PAIS É HIPOCRITA E POVO ACEITA QUALQUER UM REAL QUE OFERECEM POIS ESTÃO ACOSTUMADOS A SEREM MISERAVEIS.Um salario maior abala as estruturas do pais mis um estadio de futebol para a copa do mundo não enterfere em nada eu pergunto que pais é esse

    • 06/01/2012 às 5:09 PM

      Olá Debora
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  53. Rosena
    23/11/2011 às 9:22 AM

    a minha data de nascimento esta errada!!
    e meu beneficio foi bloqueado
    sera que é por causa da Data de nascimento????

    • 23/11/2011 às 10:30 AM

      Sim…deve procurar a unidade do Cras mais próxima da sua residência

  54. flavia alves dos santos
    23/11/2011 às 2:17 PM

    oi me chamo flavia e estou indignada com o que esta acontecendo com esse progama renda minima ja recebo ha alguns anos e ja tive outros problemas mas esse foi o pior jatem uns tres meses que nao recebo e ninguem sabe informar absolutamente nada.pouca vergonha em dilma que falou que iria ampliar o progama aff!!!

    • 06/01/2012 às 5:08 PM

      Olá Flavia
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  55. rosilene dutra ramos
    23/11/2011 às 4:02 PM

    fiz o recadastramento da minha renda minima da saldo insuficiente não costa bloqueio como que eu faço

    • 06/01/2012 às 5:08 PM

      Olá Rosilene
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  56. márcia Regina
    25/11/2011 às 8:51 PM

    gostaria de saber como eu faço pra participar desse
    programa que a prefeitura oferece. e só uma coisa
    cada um tem que cuidar da sua própria vida ao
    invés de se preocupar com a vida alheia. bjs

    • 06/01/2012 às 5:08 PM

      Olá Marcia
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  57. angelica
    27/11/2011 às 9:44 PM

    eu recebo renda minima e falou que a minha senha estava vencida como eu faço

    • 06/01/2012 às 5:07 PM

      Olá Angelica
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  58. claudia fabiana oliveira
    27/11/2011 às 10:40 PM

    MEU CARTÃO NÃO ESTA TENDO SALDO PARA RETIRAR.MUDEI DE ENDEREÇO E NÃO RECEBI A CARTA DE RENOVAÇÃO.JÁ FUI FAZER UM PRÉ CADASTRO MAS FUI ENFORMADA QUE NO MOMENTO ESTA SUSPENSO AS RENOVAÇÃO DE CADASTRO E QUE IRIAM ENTRAR EM CONTATO COMIGO MAS JÁ FAZ TEMPO QUE ESPERO E NÃO TIVE RESPOSTA O QUE FAZER?

    • 06/01/2012 às 5:07 PM

      Olá claudia
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  59. rubens calazans dos santos
    01/12/2011 às 3:41 PM

    Acredito que o governo esta tão saturado de tanto programa social que eles inventaram, qui agora eles estão deixando as pessoas perderem o recadastramento propositalmente para si ver livres delas,e tantas famílias precisando de ajuda.
    Espero que um dia apareça um governante que pense como seria legal ver um pai de família poder sustentar a sua família com dignidade,sem precisar de programa algum.
    Tenho certeza que dentre centenas de pessoas que recebem estes benefícios alguns devem odiar a ideia de que dependem dele,mas mesmo assim usam por nesessidade mesmo.
    Conheço diversas pessoas que trocariam estes beneficios por um apartamentinho ou uma casinha do CDHU sem pestanejar ( piscar ),não entendo como nossos governantes conseguem dar um beneficio desses as familias,mas não conseguem proporcionar o sonho de todo brasileiro que é asegurado pela nossa constituição federal.

    vai um alerta se couber e claro!

    E PRECISO REVER O CONCEITO DE QUE O DINHEIRO PUBLICO ESTA SENDO GASTO POR PESSOAS DESPREPARADAS QUE ASSUMEM UM COMPROMISSO DIANTE DA SOCIEDADE,MAS QUANDO GANHA A ELEIÇÃO ESQUECE PARA QUE ELE SE CANDIDATOU.

    • 06/01/2012 às 5:06 PM

      Boa tarde Sr Rubens
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  60. ana pereira dos santos
    01/12/2011 às 11:30 PM

    gostaria de saber se o meu renda minina foi bloqueado:

    porque ja faz bastante tempo que nao recebo desde agosto 26-10-2011 ate o 26-11-2011.

    entao aguardarei contatos logo:

    • 06/01/2012 às 5:06 PM

      Boa tarde Ana
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  61. 01/12/2011 às 11:37 PM

    gostaria de saber porque nao estou recebendo o meu renda minima.

    desde agosto de 28-08-2011.

    ficarei esperando contato anteciosamente.

    • 06/01/2012 às 5:05 PM

      Olá Cintia Lemos
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  62. luci vieira barboza
    19/12/2011 às 4:48 PM

    meu nome é luci vieira barboza fiz o cadastro p renda minima e qndo fui receber meu nome estava errado ,onde qm errou foram eles do cras passaram tres meses e eu correndo atras ,qndo chegei no banco e reclamei um funcionario me disse q era burocratico p receber e muitos desistiram sera q estao me fazendo cansar p eu desistir n acho justo.ultima tentativa fui pela milesima vsz no cras e disseram q ja arrumaram meu nome e qeu receberia no dia certo ….25 -12 detalhe;natal,,,,palhaçd, não.por favor qm pode me responder qm tem erro nisso e sera q tenho culpa pois me cadastraram errado e n recebi. sera q n mereço;;;;;;;;;

    • 06/01/2012 às 5:02 PM

      Olá Luci
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  63. 03/01/2012 às 12:25 AM

    Boa noite ja tenhe mais de 1 ano que eu naõ recebo bolsa familia. ja mim cadastrei e estar bloqueada. o que eu deve fazer? Obrigado

    • 06/01/2012 às 4:58 PM

      Boa tarde Carla
      Os Programas Federais Bolsa Família e o PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, que possuem como principal característica a gestão compartilhada entre o município e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate á Fome – MDS. A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – SEDES é parceira na execução dos Programas Ação Jovem e Renda Cidadã, de âmbito estadual.

      Todos os Programas implementados em São Paulo visam a atender a população em maior grau de exclusão social. As estratégias adotadas em cada Programa diferem em algum aspecto, mas todos transferem renda para as famílias, ou indivíduo, a partir do cadastramento no Programa.

      Orientações quanto ao cadastramento, atualização, desbloqueio de beneficio e acompanhamento das condicionalidades são fornecidas pela Central de Atendimento – 156 ou pelo Centro de Referencia da Assistência Social – CRAS da região de moradia do munícipe.

      As atividades que envolvem o cadastramento, recadastramento e atualização cadastral são gratuitas. A população deve desconfiar e avisar a Prefeitura caso alguém esteja cobrando para estes fins. Os canais de comunicação, tanto para denúncias, informações e sugestões são:

      Ouvidoria Geral da Prefeitura de São Paulo – 0800-175717 das 9h às 17h, de segunda à sexta-feira.

      Central 156 – atende 24 horas todos os dias. A ligação é gratuita.

      Ouvidoria do MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – 0800-707-2003 – opção 05 Ouvidoria. De segunda à sexta-feira das 7h às 19h.

      Ouvidoria da SEDS – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social – Telefone/ Fax: (0xx11) 6763-8156 ou (0xx11) 6763-8000 – ramal 8156

      Horário de atendimento: das 9h às 17h – 7º andar Correio eletrônico: ouvidoria@desenvolvimentosocial.sp.gov.br – Endereço: Rua Bela Cintra, 1032 – 7º andar.

  64. michele enis
    25/01/2012 às 7:17 PM

    gostaria de saber porque não recebo a bolsa familia, e só recebo a renda minima ? pois minha renda ao total não é suficiente.mas gostaria de dizer que é uma grande ajuda. obrigada.

  65. 29/01/2012 às 6:13 PM

    desde de janeiro nao estou recebendo faz 5 dias que fiquei sabendo do recadrastamento o que devo fazer para volta a ultilisar o meu beneficio de volta.

  66. 16/02/2012 às 2:36 PM

    Como posso me cadastrar na renda minima? já que no momento não posso trabalhar por problema de saúde. Tive dois AVCs insquêmico do lado esquerdo e direito e o INSS só me pagou dois meses e dez dias e não quis me aposentar.

  67. 22/02/2012 às 10:18 PM

    gostaria de saber porque meu renda minima nao foi aprovado

  68. claudia
    24/02/2012 às 8:36 PM

    eu gostaria de saber porque meu ultimo benfico foi em abril do ano passado eu não recebi mais gotaria de saber meu beneficio vai voltar meu cartão esta valido ate 2013

  69. rita
    02/03/2012 às 7:46 PM

    deixei de receber meus beneficios e nao sei porque ate hoje.esse dinheiro me ajudava muito

  70. 14/03/2012 às 3:35 PM

    estou desempregada e moro de aluguel pago 350,00/mas 67,00 de luz e de agua vivo de favores de meus irmaos gostaria de saber com faço a renda minima ou a bolsa familia por favor me ajudem.obrigada

  71. 19/03/2012 às 7:21 PM

    eu perdi o meu cartão de renda cidadã eu posso receber so com o rg como faço a 2 via do cartão no bco ou aonde tenho cadastro

  72. Lenilda
    21/03/2012 às 10:52 PM

    Gostaria de saber se uma pessoa que recebeu renda minima sem precisar pode ser denunciada.
    Ela disse que o marido tinha largado ela e sumido e que morava de favor, sendo que é tudo mentira e existe prova de que o marido dela nunca a deixou e que estava trabalhado, e ganhando mais de 1.000,00 por mes. Ela trabalha com venda da natura, inclusive tem pessoas que vendem para ela e na casa dela são 4 pessoas, dois filhos um de 22 anos e o caçula que tem hoje 17 anos, não pagam aluguel, pois moram no imóvel da minha mãe, que é sogra dela.Eu acho que hoje ela não recebe mais, mais recebeu por alguns anos, sem precisar.
    Quero saber se esse tipo de atitude pode ser denunciado ao ministerio publico, ou a algum orgão do governo, pois foi apropriação indébita de recursos federais
    No aguardo
    Leo

  73. 31/03/2012 às 4:02 PM

    fui chamada para fazer o recadastramento do renda minima em maio de 2011, compareci no dia e horario certo,mas esqueci alguns documentos e a moça remarcou pra junho de 2011.voltei la e o local estava fechado,ai fui ao cras me informar ,a moça me falou que nao tinha como resolver porque a carta indicava que meu recadastramento tinha que ser no endereço que ali constava que é na estrada de itapecirica,voltei lá de novo e ninguem pra me atender ,agora to sem receber, estou doente atualmente estou em campinas fazendo tratamento na unicamp.o que eu posso fazer pra eu consegui receber meu renda minima?

  74. 02/04/2012 às 12:06 AM

    EU GOSTARIA MUITO DE PODE RECEBE RENDA MINIMA NUMCA RECEBI E NUMCA FIZ NAO TRABALHO NAO TENHO RENDA SO RECEBO PENSAO DAS MINHAS FILHA QUE E400REIAS TENHO DUAS FILHA DE 16 QUE ESTUDA E MAIS DUAS DE 10EA OUTRA DTEM 5ANO TAMBEM ESTUDA
    QUERIA MUITO RECEBE RENDA MINIMA

  75. Vandecleia Batista dos Santos
    16/04/2012 às 12:19 PM

    Boa tarde pessoas por favor me explique compareci no dia 25 de Abril para fazer o recadastramento do renda miníma mais até agora não consegui nada o que devo fazer já sou cadstrada desde 2003 e nunca consegui retirar o beneficio e niguém sabem me explicar porque já fui no cras na subprefeitura e estou na média porque será que eu não consegui?

    • 16/04/2012 às 8:00 PM

      Boa noite Sra Vandecleia, infelizmente não temos a resposta para seu questionamento, deve entrar em contato com a unidade do CRAS mais proxima da sua residencia

  76. zeneide
    17/04/2012 às 9:44 AM

    bom dia quero saber se existem projeto minha casa minha vida pra pessoas que recebe o bolça familia? e se existem como fazer ?aguardo respostas…

  77. Silva
    22/04/2012 às 7:35 PM

    Olá, gostaria de saber se vocês poderiam me ajudar em uma tarefa da escola . É que a escola vai realizar um debate sobre programas sociais ,e o meu grupo pegou Renda Minima contra. Mas em nenhum site especifica quantos recebem , o porque recebem e quanto recebem , gostaria muito da ajuda se pudessem !
    Obrigado desde já (:

  78. jennifer
    05/10/2012 às 7:34 PM

    gostaria de saber quem oferece o renda minima

  79. rosangela rodrigues da silva
    14/10/2012 às 7:09 PM

    rosangela eu quero saber do meu cadastro renda minima eu fis com eu faso para pega

  80. Janaina
    09/11/2012 às 9:18 AM

    Qostaria quem tem o bolsa familia pode ter tambem o renda minima

  81. Sabrina Saltune
    09/11/2012 às 2:44 PM

    oie gostaria de saber como pego renda minima por favor estou aguardando

    Sabrina Saltune

  82. fabiana
    25/11/2012 às 5:56 PM

    gostaria de saber por que o meu renda minima e bolsa familia foi bloqueado dia 15 de setembro

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 120 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: